Você está em:

Coleção Pastoral da Cultura: publicações apresentam bens culturais da Igreja no Brasil

A Coleção Pastoral da Cultura foi apresentada durante a 55ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), com o objetivo de partilhar informações sobre o patrimônio cultural e religioso da Igreja no Brasil. A Coleção é uma iniciativa do Setor de Cultura da CNBB e da Arquidiocese de Belo Horizonte, a partir de sua Pastoral da Cultura e do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Pastoral da Cultura da PUC Minas (Nepac).

 

As publicações também buscam contribuir para o desenvolvimento de ações de preservação desses bens. Foram apresentados durante a Assembleia dois cadernos.

 

“O Caderno 1 – “Carta Circular sobre a Necessidade e Urgência da Inventariação e Catalogação dos Bens Culturais da Igreja”, chama a atenção para a tarefa urgente de preservarmos o enorme patrimônio histórico-artístico da Igreja, bem como da necessidade de partilhar conhecimentos e incentivar o uso das artes como manifestação de fé na obra evangelizadora das Igrejas particulares”, explica o professor Josimar Azevedo, que integra a Pastoral da Cultura e o Nepac da Arquidiocese de Belo Horizonte.

Já o Caderno 2 – “Projetos de Pastoral da Cultura” apresenta 36 Projetos, de várias partes do Brasil, relacionados com a Memória, Tradição, Religiosidade, Patrimônio, Educação e Arte, que foram apresentados pelos alunos concluintes do Curso Virtual de Especialização “Projetos Culturais com ênfase em Pastoral da Cultura”, oferecido pela PUC Minas Vitual, em parceria com a CNBB, no período de 2014-2016. “O objetivo é que essas publicações inspirem as ações pastorais, na área da cultura, nas Igrejas locais”, afirma o professor Josimar.

 

O Setor Cultura da CNBB espera, com esses Cadernos e os demais que vão integrar a Coleção, oferecer material com conteúdo de qualidade, didático, para contribuir com o desenvolvimento da Pastoral da Cultura na Igreja do Brasil. Os textos foram organizados pelos professores da PUC Minas Aurino José Góis, Douglas Cabral Dantas, José Martins dos Santos Neto e Josimar da Silva Azevedo.