Você está em:

CMUC – Congresso Mundial de Universidades Católicas

A Arquidiocese de Belo Horizonte recebeu três mil participantes para o  Congresso Mundial de Universidades Católicas (CMUC), no Campus Coração Eucarístico da PUC Minas, de 19 a 21 de julho. Pautado na temática “Novos tempos, novos sentidos”, o CMUC-2013 teve por objetivo propor a reflexão sobre os desafios para a educação católica na atualidade.

As discussões e análises realizadas no CMUC, de acordo com o arcebispo metropolitano de Belo Horizonte e grão-chanceler da PUC Minas, dom Walmor Oliveira de Azevedo, impulsionam a educação católica para uma nova etapa, situando-a em posição de vanguarda.

Dom Walmor destacou, ainda, o importante papel das universidades católicas na transformação da sociedade, no novo contexto instituído pelos jovens em todo o mundo, mas especialmente no Brasil, com manifestações que pediam nova conduta política e social, fundamentada na ética.

Ao mencionar a missão humanística das universidades católicas, o reitor e bispo-auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte, dom Joaquim Giovani Mol Guimarães, ressaltou a “arrebatadora beleza e a originalidade perene” do Evangelho e a importância de sua  aplicação à vida acadêmica, mostrando o quanto ele é atual, forte, pleno e mobilizador. “Os ensinamentos de Jesus Cristo são capazes de renovar permanentemente a ação educativa e, ao mesmo tempo, de colocar-nos na vanguarda de efetivas contribuições para o desenvolvimento das ciências, formação profissional e da edificação de uma sociedade mais justa, fraterna, e livre. Uma sociedade comprometida com a vida,  plural e francamente aberta à superação de si mesma e à transcendência a Deus”, afirmou o reitor da PUC Minas.

Dom Mol encerrou o Congresso afirmando que a PUC Minas não será mais a mesma depois do CMUC, e sim muito melhor.

 


Dom Joaquim Mol em homenagem aos voluntários que colaboraram com a realização do Congresso