Você está em:

Catequese com inspiração catecumenal (3)

A catequese e a Palavra

A catequese encontra seu lugar mais apropriado dentro da função eclesial, do ministério da Palavra ou  ministério profético. Várias são as modalidades  de trabalhar a catequese bíblica: Leitura Orante, Círculos Bíblicos, leitura popular da bíblia.

A catequese inicia-se  na Palavra viva de Deus. O catequista, utilizando-se do método mistagógico, ele conduz o catecúmeno e ou o catequizando para dentro do mistério de Cristo. Ele o faz através de parábolas. Deus que falou em outros tempos, continua a falar. E o que é de fundamental importância: quem escuta a Palavra encontra-se com Cristo. Toda a Escritura dá testemunho dele, diz João no capítulo 5, 39. Então, desconhecer a Escritura é desconhecer Cristo. Isto nos instrui a Dei Verbum, Constituição dogmática do Vaticano II, 25.

 

A Palavra de Deus é a fonte primordial da ação evangelizadora, catequética, litúrgica e missionária da Igreja; ela ilumina a vida e nos revela a vontade de Deus

Se a catequese se inicia na Palavra que é um diálogo de Deus com o homem, também se inicia na oração que significa o diálogo do ser humano com Deus. Sendo assim, os catequistas e catequizandos devem  orar como Jesus, em segredo: é o que nos ensina Jesus no Evangelho de Mateus 6,6; em grupo ou em comunidade (Mt 11,25), com poucas palavras (Mt 6,7), a partir de situações concretas com  palavras tomadas dos salmos (cf. Mt 27,46; Lc 23,46; Jo 11,41), segundo o modelo que nos ensinou Jesus, segundo o Espírito do Pai-Nosso (cf. Lc 11, 2,-4).

A catequese inicia-se  ainda na celebração viva da fé. A Palavra anunciada e escutada é também celebrada. Da mesma forma, inicia-se no compromisso missionário: nasce da confissão de fé e conduz à confissão de fé. Quem foi evangelizado, evangeliza por sua vez,. assim como Jesus: Ele ensinou a seus discípulos e depois os enviou para a missão. O processo de iniciação cristã, a catequese  deve ser  visto – e assim o é –  de forma integral, aberta a todas as esferas da vida Cristã.

A catequese, de fato, tem por objetivo último escutar e fazer repercutir a Palavra de Deus. E é claro que não é só para crianças que a Palavra de Deus deve ecoar, mas para todos os membros da Igreja e para o mundo todo. Ela evangeliza crianças, jovens e adultos.

A Palavra de Deus é a fonte primordial da ação evangelizadora, catequética, litúrgica e missionária da Igreja. Ela ilumina a vida e nos revela a vontade de Deus.

Pode-se fazer ecoar a Palavra no vasto mundo dos meios de comunicação e da informática. Ela se faz presente no âmbito da mídia e nos modernos sistemas multimídia.

Nas suas diversas formas de se apresentar, A catequese tem seu terreno fértil nas muitas formas comunitárias antigas e novas, da realidade eclesial de hoje.

Nessas variadas formas somos chamados a trabalhar a catequese de forma integral e permanente, colocando como prioridade os adultos. Eles, mesmo os batizados, entram na lista dos interlocutores da catequese. Sobre esse assunto conversaremos no encontro seguinte.

 

Neuza Silveira de Souza
Coordenadora da Comissão
Bíblico-catequética da Arquidiocese de BH