Você está em:

Casa das Meninas busca resgatar laços familiares e sociais


Crianças e adolescentes são atendidas pela dedicada equipe da Casa das Meninas
 

A Providência Nossa Senhora da Conceição – Casa das Meninas tem a importante missão de acolher meninas que, de alguma forma, foram negligenciadas. O objetivo é a inclusão das crianças e adolescentes excluídos do convivio famíliar e social. O trabalho é feito por meio  do acolhimento provisório e de atividades que visam à recomposição dos vínculos familiares, ou a integração delas em uma família substituta. As crianças que não se encaixam nessas duas possibilidades, recebem  orientações que lhes permitem conquistar autonomia.

A Casa das Meninas  conta hoje com 14  garotas- uma delas cadeirante, todas com  histórias  permeadas por violência,  abandono ou exploração, e que  tiveram o acolhimento determinado pelo Juizado da Infância da Juventude, Ministério Público e Conselhos Tutelares.

No processo de reinclusão familiar, segundo a coordenadora dos trabalhos, a psicopedagoga Janete Rodrigues Simão,  á uma tentativa de  recuperar tanto a família quanto as crianças, no sentido de restabelecer uma relação sadia entre as partes.  Um trabalho importante, principalmente para a criança que mesmo sendo vítima da situação, sempre trazconsigo o sentimento de culpa.  “ Cabe a nós além de buscar o restabelecimentos dos vínculos familiares, também mostrar à criança  que ela merece ter uma vida sadia e feliz”, explica Janete Simão .

Quando não é possível recuperar os laços  em família,  compete à instituição buscar a família substituta para a criança ou adolescente. Um processo que é acompanhado pela equipe da Casa das Meninas, durante seis meses, e pelo Juizado da Infância e da Juventude, durante dois anos.  

Enquanto não  encontram uma família para adotá-las, a equipe formada por uma psicopedagoga, uma psicóloga e por uma assistente social, trabalha a educação das meninas. Elas são incentivadas a buscar capacitação profisisonal, por meio do trabalho como menor aprendiz,  ou frequentando cursos  oferecideos pelos Senac , Senai e  Centro de Formação e Experimentação Digital.

Em síntese,  o processo a que as meninas vivenciam  é  dirigido em três eixos: a vida na casa, com incentivo aos hábitos diários do cuidado consigo próprias e com o ambiente; as oficinas, momentos de   espiritualidade, estudo,  comemorações dos aniversário das crianças, lazer, e   realização de festas  populares, como  as juninas e  dia da criança e natal , e das  celebrações religiosas como Páscoa e Natal; e o terceiro eixo, que diz respeito ao convívio famíliar que também prevê visitas a irmãos  acolhidos em outras insituções.  O objetivo é proporcionar às moradoras da Casa das Meninas uma vida o mais próprio possível de uma criança que vive com a família.