Você está em:

Carismas são dons na Igreja, e não motivo de inveja ou divisão Prosseguindo sua série d

 

Prosseguindo sua série de catequeses sobre a Igreja, o Pontífice falou dos dons que o Espírito Santo lhe oferece para a sua caminhada na história. Na linguagem comum, quando se fala de “carisma”, se entende um talento, uma habilidade natural. Mas na perspectiva cristã, assume outra conotação que vai além de uma qualidade pessoal.

O carisma é uma graça, um dom dispensado por Deus Pai, através da ação do Espirito Santo, para que seja colocado a serviço de todos. De fato, é no seio da comunidade que alguém pode reconhecer os carismas que tem. E Francisco brincou com a multidão, dizendo que uma pessoa não pode achar que tem o dom de cantar. São os outros que têm que reconhecer este carisma.

Mas é importante se questionar: “Há qualquer carisma que o Senhor fez nascer em mim e que os meus irmãos, na comunidade cristã, reconheceram e encorajaram? E como me comporto em relação a este dom: com generosidade ou como motivo de orgulho?” (Confira, aqui, a síntese da catequese do Papa Francisco).

Leia, ainda, os resumos das reflexões do Papa Francisco nas homilias das Missas celebradas na Casa Santa Marta, situada nas dependências do Estado do Vaticano:

2 de Outubro de 2014
PAPA: “ANJOS DA GUARDA EXISTEM, OUÇAMOS SUA VOZ

 

30 de Setembro de 2014
EVITEMOS LAMENTAÇÕES TEATRAIS E REZEMOS POR QUEM SOFRE VERDADEIRAMENTE

 

29 de Setembro de 2014
ANJOS OU DEMÔNIOS

26 de Setembro de 2014
“PERTENCE A JESUS QUEM LEVA COM ELE A CRUZ

 

25 de Setembro de 2014
A VAIDADE É UMA DOENÇA ESPIRITUAL MUITO GRAVE