Você está em:

Arcebispos e Bispos que participam da Assembleia da CNBB em Belo Horizonte passam pela Porta Santa

Arcebispos e bispos de 32 dioceses que integram o Regional Leste II da CNBB participaram de Missa nesta quinta-feira, dia 9 de novembro, no Santuário da Saúde e da Paz – Paróquia Sagrados Corações, no bairro Padre Eustáquio. Também participam padres e leigos que integram a Assembleia do Regional Leste II da CNBB, que foi realizada em Belo Horizonte durante esta semana.

Um momento muito importante da celebração, em comunhão com o Ano da Misericórdia, proposto pelo Papa Francisco, foi a passagem pela Porta Santa do Santuário da Saúde e da Paz.
 A celebração foi presidida por dom Luiz Mancilha, arcebispo de Vitória, concelebrada pelo arcebispo de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo e por dom Gil Antônio Moreira, arcebispo de Juiz de Fora. 

Dom Luiz Mancilha, arcebispo de Vitória, lembrou o exemplo do Beato Padre Eustáquio “Nós padres temos as nossas mãos ungidas para consagrar, ungidas para abençoar e para santificar.  A exemplo de Padre Eustáquio, o homem da Misericórdia, que foi chamado de ‘aquele que abençoa, mãos que abençoam’, nós temos esta obrigação sagrada de abençoar”.

Os religiosos também oraram no memorial em honra ao Beato Padre Eustáquio em comunhão com padres da Congregação dos Sagrados Corações. Em 1942, o beato deu inicio à construção da igreja que hoje é o Santuário da Saúde e da Paz.  O processo de beatificação de Padre Eustáquio terminou com a grande solenidade durante a Festa de Corpus Christi, em Belo Horizonte, no dia 15 de junho de 2006. No Estádio Mineirão repleto de devotos, na chamada “Torcida de Deus”, o delegado do Papa, Cardeal Saraiva Martins declarou oficialmente Padre Eustáquio como Beato.