Você está em:

ADCE publica trabalho de reflexão sobre a Encíclica Laudato Si”™

A Associação de Dirigentes Cristãos de Empresa, ADCE Brasil e a União Internacional de Associações de Dirigentes Cristãos de Empresa, UNIAPAC América Latina e Internacional, apresentam o estudo intitulado “Comentários da UNIAPAC a respeito da Encíclica Laudato Si’ do Papa Francisco”. 
 
O documento é fruto do trabalho colaborativo de dirigentes cristãos de empresa engajados neste movimento de diferentes regiões do mundo, especificamente da Alemanha, Argentina, Brasil, Chile, Equador, Itália, México, Paraguai e Uruguai, conferindo uma visão diversificada sobre o tema de elevado interesse para a nossa e para as futuras gerações.
 
O estudo traz uma reflexão da entidade internacional a respeito da Encíclica do Papa Francisco, Laudato Si’, que alerta quanto ao consumismo, o desenvolvimento irresponsável que exclui seres humanos e causa graves impactos ao meio ambiente e ao clima, critica o individualismo e a globalização da indiferença, lança o quarto pilar da sustentabilidade, a ecologia cultural, e faz forte apelo à unificação de todos os países no esforço para vencer este que é um enorme desafio global dos tempos modernos. 
 
“Com esta publicação, a UNIAPAC Internacional acrescenta mais uma contribuição à reflexão e a vivência empresarial, que se junta ao livro “Rentabilidade dos Valores”, ao ‘Protocolo de Responsabilidade Social Centrada na Pessoa Humana”, e ao programa “Empresa com Valores”, um movimento nacional de conhecimento, partilha, multiplicação e prática de todos estes ensinamentos e valores, que propiciam mais riqueza econômica, social e ambiental”, explica o presidente da ADCE Brasil e da UNIAPAC Latino América, Sérgio Cavalieri.
 
“A Laudato si’ é de fato uma contribuição relevante da Igreja para os dirigentes cristãos tomarem consciência de sua responsabilidade em relação aos problemas que afetam toda a humanidade. Ela convida todos a contribuírem apontando caminhos e sugestões para a solução dos problemas ambientais e sociais que afetam a todos”, complementa o presidente da ADCE Minas, Sérgio Frade.
 
Para ler a declaração completa acesse: www.adcemg.org.br