Você está em:

Aberto processo de beatificação de dom Luciano Mendes

A fase arquidiocesana do processo de beatificação de dom Luciano Mendes de Almeida foi aberta, oficialmente, nesta semana, no dia 27 de agosto. A data foi marcada por celebração de Missa, na Catedral Metropolitana de Mariana, presidida por dom Geraldo Lyrio .

Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida foi arcebispo de Mariana de 1988 a 2006, quando faleceu aos 75 anos. O Arcebispo, da Companhia de Jesus, foi secretário geral (de 1979 a 1986) e presidente (de 1987 a 1994) da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).  O religioso jesuíta atuou principalmente na defesa dos direitos humanos e no cuidado com os mais pobres.

De origem fluminense, dom Luciano nasceu em 5 de outubro de 1930. Doutor em Filosofia, foi membro do Conselho Permanente da CNBB de 1987 até o ano de sua morte. Também atuou na Pontifícia Comissão Justiça e Paz, foi vice-presidente do Conselho Episcopal Latino-americano (Celam) e presidente da Comissão Episcopal do Mutirão para a Superação da Miséria e da Fome. Durante quase duas décadas à frente da Arquidiocese de Mariana, o bispo deu forte impulso pastoral àquela Igreja particular.

Comenda Dom Luciano: após a Missa, a Faculdade Arquidiocesana de Mariana promoveu a entrega da Comenda Dom Luciano Mendes de Almeida do Mérito Educacional e de Responsabilidade Social. A comenda, criada em 2008, é entregue a pessoas e organizações que, por suas ações afirmativas, cumprem importante papel no campo da responsabilidade social.