Você está em:

Quando o coração está amargurado e frio é quase natural que tenda a fechar-se. As perdas, frustrações, decepções e tristezas da vida podem nos surpreender em algum momento e não acolhendo bem essas situações corremos o risco de deixar a amargura entrar no coração. Uma vez dentro de nosso coração, a amargura vai nos fechando para as pessoas, roubando nosso sorriso espontâneo e retirando o colorido da vida.
 

A Palavra de Deus é salutar, penetra nosso interior até o mais íntimo. É capaz de curar, libertar, consolar e fortalecer

Certa vez, experimentei essa visita da amargura. Ela entra de mansinho e costuma vir para ficar. Sabia que não estava bem e que precisava de ajuda. Foi assim que encontrei na oração a cura para o meu coração. Deus me inspirou a oração do Salmo 23(24) e especialmente esses versículos:

 

“Ó portas, levantai vossos frontões!

Elevai-vos bem mais alto, antigas portas,
A fim de que o Rei da glória possa entrar!
Dizei-nos: “Quem é este Rei da glória”
O Rei da glória é o Senhor onipotente,
O Rei da glória é o Senhor Deus do universo!”

 

Um faixo luminoso invadiu meu coração sombrio! Minha cura estava no convite insistente para meu próprio coração alargar suas portas, deixar os estreitamentos, elevar os portais, abandonar o que era velho. Como me parecia difícil! Mas todo esforço tinha um sentido! Era necessário fazer tudo aquilo para que um Rei muito majestoso entrasse: Jesus Cristo. Sua realeza é tão sublime, seu amor tão largo, sua misericórdia tão profunda, sua companhia tão envolvente, sua benção tão altíssima que se fazia necessária uma mudança radical na porta do meu coração! Era necessária uma reforma em sua entrada, caso contrário eu deixaria esse Rei inefável do lado de fora. Mas, como toda reforma, se gasta mais do que o planejado e demora-se mais do que o estimado… Foi preciso muitos dias, semanas e semanas repetindo os versículos desse salmo de mente e coração, com os lábios e a alma, às vezes entre lágrimas.

Tenho plena convicção de que fui curada pelo poder da Palavra de Deus que me convidava a alargar o coração. A Palavra de Deus é salutar, penetra nosso interior até o mais íntimo. É capaz de curar, libertar, consolar e fortalecer.

Se você sente alguma amargura, não espere mais para convidar seu coração a alargar seus portais. Logo que sua estreiteza ceder, receberás a Visita mais sublime e ilustre: Jesus Cristo. Ele vem para trazer esperança, alegria, vida, muita vida!

 

“Ó portas, levantai vossos frontões!
Elevai-vos bem mais alto, antigas portas,
A fim de que o Rei da glória possa entrar!
Dizei-nos: “Quem é este Rei da glória?”
O Rei da glória é o Senhor onipotente,
O Rei da glória é o Senhor Deus do universo!”

 

Anajúlia Gabino
Consagrada da Comunidade de Vida